Segunda-feira, 30 de Julho de 2007

FÉRIAS

As férias dos meus amigos



Figueira da Foz

Pedras d'El-Rei


Paris

 


Açores- Ilha Terceira


Algarve Alvor


Sintra - Praia Grande

 
Algures em França


Ericeira


Eu fico por aqui


Na minha varanda

publicado por soaresesilva às 20:00

link do post | comentar | ver comentários (25) | favorito
|
Terça-feira, 24 de Julho de 2007

O PIANO


Reflections por Alan Murray

 

Aquela senhora tem um piano
Que é agradável mas não é o correr dos rios
Nem o murmúrio que as árvores fazem...

Para que é preciso ter um piano?
O melhor é ter ouvidos
E amar a Natureza



Alberto Caeiro - Poemas

publicado por soaresesilva às 22:36

link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Julho de 2007

AINDA LISBOA

Com o pedido de que o novo Presidente trate bem esta cidade


Cacilheiro na Praça do Comércio
Tela de Ana Sofia Santos

 

"Os Cacilheiros

Aqui na Bica tenho o Tejo à janela e o elevador à porta. Ter uma janela com o Tejo à frente é um gozo porque a gente, logo de manhã, lava os olhos naquelas águas e vê passar os cacilheiros.

Todo o português devia andar de cacilheiro no vaivém da casa para o trabalho porque somos um país de marinheiros e podíamos assim acumular milhas navegadas no nosso curriculum e, depois da morte, alegar para o S. Pedro sem mentir: "Eu que passei a minha vida a cruzar as águas, etc e tal" como introdução ao caderno reivindicativo do Além.

Vejo passar os cacilheiros com gente mal dormida no espreguiçar da manhã. Vai longe o élan das caravelas e "o-da-outra-banda" entra no cacilheiro de corpo e alma vestidos de funcionário para desembarcar em Lisboa a tratar do pão de cada dia. Quando regressa a casa traz às costas o cansaço dum dia sem aventura. Mal empregados barcos, mal empregadas águas."

 

António Alçada Baptista in Um Passeio por Lisboa

publicado por soaresesilva às 19:52

link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito
|
Domingo, 15 de Julho de 2007

O REI

Foi coroado o novo Rei de Lisboa

publicado por soaresesilva às 23:02

link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|
Terça-feira, 10 de Julho de 2007

ELEIÇÕES EM LISBOA



Não têm pena de nós, lisboetas, que no Domingo teremos de ir escolher um destes senhores para Presidente da nossa Câmara?


publicado por soaresesilva às 18:15

link do post | comentar | ver comentários (24) | favorito
|
Quinta-feira, 5 de Julho de 2007

BALÕES E DESILUSÕES


L'enfant aux ballons - David Jamin

 

 

"Junto aos Armazéns do Grandella havia um homem a vender balões, e, fosse por tê-lo eu pedido (do que duvido muito, porque só quem espera que se lhe dê é que se arrisca a pedir), fosse porque minha mãe tivesse querido, excepcionalmente, fazer-me um carinho público, um daqueles balões passou à minha mão. Não me lembro se ele era verde ou vermelho, amarelo ou azul, ou branco simplesmente. O que depois se passou iria apagar para sempre da minha memória a cor que deveria ter-me ficado pegada aos olhos para sempre, uma vez que aquele era nada mais nada menos que o meu primeiro balão em todos os seis ou sete anos que levava de vida. Íamos nós no Rossio, já de regresso a casa, eu impante como se conduzisse pelos ares, atado a um cordel, o mundo inteiro, quando, de repente, ouvi que alguém se ria nas minhas costas. Olhei e vi. O balão esvasiara-se, tinha vindo a arrastá-lo pelo chão sem me dar conta, era uma coisa suja, enrugada, informe, e dois homens que vinham atrás riam-se e apontavam-me com o dedo, a mim, naquela ocasião o mais ridículo dos espécimes humanos. Nem sequer chorei. Deixei cair o cordel, agarrei-me ao braço da minha mãe como se fosse uma tábua de salvação e continuei a andar. Aquela coisa suja, enrugada e informe era realmente o mundo."

 

José Saramago in As Pequenas Memórias

publicado por soaresesilva às 21:30

link do post | comentar | ver comentários (26) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Alenquer

. INVERNO

. Feliz Ano Novo

. ANIVERSÁRIO

. Cinismos de Verão

. NEVOEIROS DE SÃO PEDRO DE...

. COMPENSAÇÃO PERANTE A CRI...

. Homenagem a Rafael Bordal...

. CAPARICA

. Páscoa Feliz

.arquivos

. Junho 2013

. Janeiro 2012

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.links

.A última rosa

----
 
 

.Ecosdotempo



blogs SAPO

.subscrever feeds