Sexta-feira, 3 de Fevereiro de 2006

Grafitis

 Os pintores das modernas cidades,


jan 26 014xx.jpg 


eles trabalham em céu aberto.


6 nov 011 x.jpg 

Que quererão eles? Contestar a política do betão ou fazer do betão a sua contestação?
publicado por jo às 21:36

link do post | comentar | favorito
|
26 comentários:
De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2006 às 01:39
Pena que haja uma tão grande diferença entre "graffiteiros" e "cagadores de parede". Aprecio os primeiros, abomino os segundos. Jinhos*****Formiguinha
(http://formiguinha.blogs.sapo.pt)
(mailto:blog_formiguinha@blogs.sapo.pt)
De Anónimo a 5 de Fevereiro de 2006 às 22:08
Se são proíbidos por lei são crime, e como tal deviam ser encarados.isabel
</a>
(mailto:isabel_espadinha@sapo.pt)
De Anónimo a 5 de Fevereiro de 2006 às 19:40
Que os graffitis são uma arte ficam-nos poucas dúvidas ao ver certos grafitis, como estes que publicas-te e que provávelmente foste impelida a fotografar.Agora, se são contestatários, se os seus autores estão ou não no lado vazio da vida e se teem razão ou não...isso é outro assunto bastante susceptivel de discussao a pontos de alguns o considerarem indiscutivelmente crime.É bem verdade que muitos dos artistas históricamente consagrados eram contestatários das regras sociais de então e manifestavam-no na sua arte.Penso que se deve encarar certos graffitis considerando-lhes o justo valor artistico e intervencionista enquanto outros terão que ser encarados como autênticos actos de vandalismo e destruição ambiental.pedro
(http://www.estalidos.blogs.sapo.pt)
(mailto:pedro.calado@sapo.pt)
De Anónimo a 5 de Fevereiro de 2006 às 00:13
Olá graffitis alguns são bonitos mesmo, outros não passam de de um estrago sem sentido, aos comboios e tudo que apanham à frente mas eles começaram por ser isso mesmo uma contestação não é?
beijinho
Bom fim de semana
Aldoraaldora
(http://gatinhosvoadores.blogspot.com)
(mailto:aldoramira@sapo.pt)
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2006 às 23:06
Bem... de qualquer modo eu desculpei-me antecipadamente. Já que aqui estou reafirmo o que sempre pensei sobre esta forma de comunicação... de expressão, é contestação... uma das poucas que não decessitou de revoluções nem de PREC´s para conhecer a luz do dia e da liberdade... (se calhar em Foz Côa). É bem vinda. ruizocas
(http://bloguesfera.blogs.sapo.pt/)
(mailto:ruizocas@hotmail.com)
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2006 às 22:02
olá, as fotos estão lindas. penso que é uma maneira de comunicar.

beijinhos muitosIsa
(http://singular.blogs.sapo.pt)
(mailto:singularidade@sapo.pt)
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2006 às 19:17
O tema dos graffitis em Portugal é muito contraverso. Penso que existem aqueles que pintam em paineis e paredes previamente preparadas para esse efeito expressando assim a sua arte, forma de ver a vida, critica à sociedade ou até à política. Outros, que se organizam em grupos, fazem graffitis em qualquer parede de prédio, carruagem de comboio, interior de passagem pedonal ou túnel, desde que seja um local bem visivel já serve. Acho que o principal objectivo é a competição entre grupos rivais e mostrar as pinturas uns aos outros, tirando inclusivamente fotografias logo depois de efectuados os graffitis. O problema é que estes últimos, principalmente os que pintam em prédios de habitação e comboios, causam danos, já que pintam em propriedade alheia, levando a gastar muito dinheiro na remoção (limpeza) dessas pinturas. Penso que nenhum de nós gostaria de chegar ao seu automóvel e ver um graffiti pintado na porta.Bom Fds.segundavida
(http://segundavida.blogs.sapo.pt/)
(mailto:melo887@sapo.pt)
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2006 às 16:33
Olá, obrigada pela visita. Espero que volte sempre e que o meu Jardim também se torne o seu Jardim. Bjos no seu coração e tudo de muito bom!!Claudia
(http://campodegirassois2.zip.net)
(mailto:ac.lowrency@uol.com.br)
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2006 às 15:44
ExperiênciaLuisa
(http://ecosdotempo.blogs.sapo.pt)
(mailto:luisa34@netcabo.pt)
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2006 às 15:23
Não percebo o comentário do ruizocas ao que eu escrevi. O que têm a ver os grafitis americanos com o que se passa aqui e com as imagens que a João tão bem captou?Teresa
</a>
(mailto:teresa47@netcabo.pt)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Alenquer

. INVERNO

. Feliz Ano Novo

. ANIVERSÁRIO

. Cinismos de Verão

. NEVOEIROS DE SÃO PEDRO DE...

. COMPENSAÇÃO PERANTE A CRI...

. Homenagem a Rafael Bordal...

. CAPARICA

. Páscoa Feliz

.arquivos

. Junho 2013

. Janeiro 2012

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.links

.A última rosa

----
 
 

.Ecosdotempo



blogs SAPO

.subscrever feeds