Quinta-feira, 18 de Janeiro de 2007

ENVELHECIMENTO

O meu Bairro , aqui há uns anos, era uma zona de casais novos, com crianças a brincar nos jardins e adolescentes a cruzarem as ruas a caminho das escolas.  Essas crianças cresceram ,casaram e foram morar para os arredores onde encontraram casas mais baratas.
Por aqui ficaram os velhos, muitos deles sózinhos,  a tentarem fazer uma vida normal. Nos poucos minutos em que passei hoje de manhã no Largo da Igreja só vi pessoas de idade.

        Com uma ajuda consegue-se chegar a casa

                  Compras para o almoço?

    Ainda consegue manobrar o carro...

Talvez viúvo

             Ao encontro das amigas para o café


Com os progressos da medicina, a esperança de vida aumentou imenso mas haverá remédio para a solidão desta gente?  Será que o meu Bairro, Portugal e toda essa Europa se irão brevemente transformar em asilos da terceira idade? 

publicado por soaresesilva às 21:42

link do post | comentar | favorito
|
25 comentários:
De Intemporal a 18 de Janeiro de 2007 às 23:54
Pshiu.....escute aqui a minha voz de revolta.Alguma coisa contra os idosos?
Eu desejo chegar a velhinha . Hoje eu respeito , admiro as pessoas mais idosas.
Vouuuuuuuuuuuuuuu....mas volto para me certificar que essas ideias mudaram
De bitu a 19 de Janeiro de 2007 às 13:39
Isso só acontecerá com o envlvimento da familia e da cmunidade. Os filhos têm obrigações que não devem esquecer por outro lado, o voluntariado tb ajuda nestes casos de solidão embora estejamos muito longe de atingir necessário....jinhos e bom fds
De Jofre Alves a 19 de Janeiro de 2007 às 17:06
Retrato dum Portugal que envelhece, inversão da pirâmide demográfica.

Somos cada vez mais velhos, tal como no teu bairro, mas também esse isolamento profundo, a solidão aumenta nessa voragem societária, vertigem que empurra toda gente para uma correria desenfreada, para a frente, mesmo quando não vamos a lado nenhum.

Percorrer a vossa página é para mim intenso prazer, pela elegância temática. Óptimo fim-de-semana.
De conchitamachado a 19 de Janeiro de 2007 às 17:31
Tema e imagens de profunda reflexão que aqui nos foi dado... Agradeço imenso.

Bom fim de semana
Beijinho
De aldoramira a 19 de Janeiro de 2007 às 19:33
Quem mata a alegria das cidades? A juventude não pode mais viver nelas, a não ser que não deixe a casa dos pais para viver na cidade, pois na verdade os preços das rendas são muito altos. Já tenho pensado em deixar a minha casa grande que dá muito trabalho, por um apartamento pequeno na minha doce cidade, mas aí serei mais uma pré-idosa a viver na cidade.
Bom fim de semana
Beijinhos
Arodla
De Praia da Claridade a 19 de Janeiro de 2007 às 20:11
Infelizmente a vida é mesmo assim... A população tem tedência a diminuir, os jovens escolhem os arredores para poupar algum dinheiro e nas zonas do interior cada vez se nota mais a "saída" da juventude para o litoral ou para zonas mais acessíveis aos estudos ou a um emprego....
Deveria haver mais incentivos para fixar a juventude...
De catarina a 19 de Janeiro de 2007 às 20:56
Luisa,
a solidão dos idosos nem sempre é por culpa dos jovens.
Não imagina, mas hà pais que aos sessenta anos não estão para aturar os filhos, não tem tempo nem sequer para assistir a aniversarios, vivem aspirados por um circulo de amizades da idade deles e ai não hà lugar para gente de 30 anos, substituem todo o afecto por coisas materiais... esses filhos mais tarde talvez so saibam isso: pagar em vez de estarem presentes.
Bjtos
De Maria Elisa a 19 de Janeiro de 2007 às 21:01
Amiga Luisa!..Este teu texto sobre a idade ou seja velhice,mas eu continuo a dizer,(QUE VELHOS SÂO OS TRAPOS)e nem esses,pois onde habito é uma cidade muito jovem mas vejo gente de idade como em todo o lado,mas aqui nas aldeias,haverá por um lado mais idosos,mas a Cámara local acarinha, muito e temos lares muito boms,e voluntariado algum para ajudar,mas enerva muito a joventude não dar valor as pessoas só porque são velhos se calhar não tem nimgém para ensinar boas maneiras,mas eles vão para lá e não tarda,da minha parte ajudo no que poder.
Amiga luisa,que belo hoje quanado entrei no teu Blog e ouço esta bela canção do CHARLES AZNAVOUR
Mamma?...Lindo adoro.
beijinho bom fim semana
Maria Elisa
De Sindarin a 19 de Janeiro de 2007 às 21:11
Olá amiga! Que pensamento triste. è uma das coisas que me faz mais tristeza é ver tanta gente só, idosa, de rosto triste e cansado sem grande futuro ou alegria. Não se pensa que a eles devemos mto do k hoje somos (do bom) k temos pois após 40 e 50 anos de trabalho árduo e sem condições é este o obrigado que temos para lhes dar. Triste nação triste gente que não ama, acarinha e se orgulha dos seus idosos e os põe àparte em lares ou os deixa sós. Um grande obrigado pelo post e um grande beijinho de amizade. Bom fim de semana.
De kaldinhas a 19 de Janeiro de 2007 às 22:15
Essa é uma pergunta q faço a mim muitas vezes.Vale a pena viver mais anos e olhar p o lado e n ter ninguém? tenho esperança q a geração da minha filha tenha mais respeito pelos idosos q a minha está a ter.Há q ter responsabilidades e respeito p com os nossos idosos q já deram tudo à familia e ao país.
Bjos e bom fim de semana

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Alenquer

. INVERNO

. Feliz Ano Novo

. ANIVERSÁRIO

. Cinismos de Verão

. NEVOEIROS DE SÃO PEDRO DE...

. COMPENSAÇÃO PERANTE A CRI...

. Homenagem a Rafael Bordal...

. CAPARICA

. Páscoa Feliz

.arquivos

. Junho 2013

. Janeiro 2012

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.links

.A última rosa

----
 
 

.Ecosdotempo



blogs SAPO

.subscrever feeds