Sábado, 21 de Janeiro de 2006

Hoje

3.gif


Hoje, chovem estrelas! Um coração bate muito demansinho. Eu sei, um ténuo fio separa a vida da morte. Contudo, aconteça o que acontecer as estrelas aparecerão sempre no Céu.Eternamente!


rainnevermakesflowerssad z.jpg

publicado por jo às 19:41

link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De Anónimo a 23 de Janeiro de 2006 às 22:28
A VIDA é assim !... Nunca sabemos o que poderá acontecer no minuto seguinte..... Resta esperar, esperar... e viver a VIDA o melhor que nos for possível, da maneira como o que conseguirmos...Filipe Freitas
(http://topazio1950.blogs.sapo.pt/)
(mailto:aviador51@iol.pt)
De Anónimo a 22 de Janeiro de 2006 às 20:47
Podemos viver a vida timidamente,mas as estrelas nunca deixarão de brilhar no céu.
Beijocaskaldinhas
(http://kaldinhas1.blogs.sapo.pt/)
(mailto:kaldinhas@sapo.pt)
De Anónimo a 22 de Janeiro de 2006 às 12:30
Mesmo sabendo que vivemos no fio da navalha.....a vida será sempre um eterno céu estrelado...........belas palavras e belíssima musica.Ana Luar
(http://aromademulher.blogs.sapo.pt/)
(mailto:luar_zita@msn.com)
De Anónimo a 22 de Janeiro de 2006 às 02:09
É verdade que a noite, o céu hoje está estrelado. Esperemos que amanhã o sol brilhe.

beijinho.mariliamgomes
(http://afecto.blogs.sapo.pt)
(mailto:mariliamgomes@netcabo.pt)
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2006 às 22:47
Maria Teresa Horta


DESPERTA-ME DE NOITE
O TEU DESEJO
NA VAGA DOS TEUS DEDOS
COM QUE VERGAS
O SONO EM QUE ME DEITO
É REDE A TUA LINGUA
EM SUA TEIA
É VICIO AS PALAVRAS
COM QUE FALAS

A TRÉGUA
A ENTREGA
O DISFARCE

ausência fatal
(http://ausenciafatal.blogs.sapo.pt)
(mailto:sofia_ribeiro21@hotmail.com)
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2006 às 22:39
...que eu estive aqui, a acreditar contigo...ruizocas
(http://bloguesfera.blogs.sapo.pt/)
(mailto:ruizocas@hotmail.com)
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2006 às 22:08
Nada, mas por vezes, damo-nos muito importância!jo
(http://ecosdotempo.blogs.sapo.pt)
(mailto:mjoaojara@sapo.pt)
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2006 às 21:59
É verdade: nós passamos e as estrelas ficam.
Afinal o que somos nós?
lLuisa
(http://ecosdotempo.blogs.sapo.pt)
(mailto:luisa34@netcabo.pt)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Alenquer

. INVERNO

. Feliz Ano Novo

. ANIVERSÁRIO

. Cinismos de Verão

. NEVOEIROS DE SÃO PEDRO DE...

. COMPENSAÇÃO PERANTE A CRI...

. Homenagem a Rafael Bordal...

. CAPARICA

. Páscoa Feliz

.arquivos

. Junho 2013

. Janeiro 2012

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.links

.A última rosa

----
 
 

.Ecosdotempo



blogs SAPO

.subscrever feeds