Quarta-feira, 3 de Outubro de 2007

APELIDOS PORTUGUESES II

A pedido de alguns amigos, publico hoje mais duas entradas do Dicionário das Famílias Portuguesas de D. Luis de Lancastre e Távora

 

SOUSA - Nome de raízes toponímicas, pois que tirado da terra de Sousa, designou primeiramente a linhagem deste nome, cujas origens documentadas datam de épocas anteriores à Nacionalidade, vindo posteriormente a ser apelido da família em que tal linhagem veio a transformar-se. Tendo caído em fêmeas os dois principais ramos desta família, as duas damas da família, D. Maria Pais, que era a chefe da linha primogénita, e D. Inês Lourenço, que o era da secundogénita, vieram a casar-se respectivamente com D. Afonso Dinis, filho bastardo legitimado de D. Afonso III, e com D. Martim Afonso, meio irmão daquele. De D. Maria Pais e de D. Afonso nasceria assim a linha dos Sousas dita de Arronches, por causa de haver detido este senhorio, hoje chefiada pelos Duques de Lafões, enquanto de  D. Inês e D. Afonso descenderiam os Sousas ditos do Prado, por terem tido o senhorio desta vila, ou Chichorros, da alcunha daquele D. Martim.

 

TAVEIRA - Nome de raízes toponímicas, a família que o adoptou por apelido tem remotas e nobres origens, provindo da linhagem dos  «de Paiva».

publicado por soaresesilva às 15:47

link do post | comentar | favorito
|
24 comentários:
De Maria Papoila a 3 de Outubro de 2007 às 21:39
Querida Luísa:
Muito interessante este e o artigo anterior! E eu julgava que o meu apelido era de raizes judaicas...
Beijo
De Quico, Ventor e Pilantras a 4 de Outubro de 2007 às 21:34
Kudryavka!
Olá, Luisa! Acredito que não saibas, que tenhas esquecido ou que nunca soubesses que o 1º animal a subir ao espaço estratosférico, se chamava Kudryavka. Aposto também que não sabes nada sobre a minha árvore geneológica, nem a do Ventor nem a da Kudryaka, mas acredito que tens toda a razão que não gostarias de ter ratos na cozinha, na dispensa ou seja lá onde fôr. O Ventor também não gosta e se eu encontra-se um rato cá em casa, de certeza que pederia ao Ventor para o colocar lá para fora porque é animal que não cabe cá em casa segundo eu penso e o Ventor me diz. Mas acredito plenamente que os bichos têm o seu lugar apropriado e é aí que nós não temos que nos meter com eles. Nós, os animais domésticos e vós os humanos. E menos ainda os tirarem dos seus lugares e levá-los para arenas e espancá-los, gozá-los, pô-los a sangrar até à morte, como está a acontecer neste momento no Campo Pequeno. Isso não é trabalho de gente civilizada, antes pelo contrário, é procedimento de gente sem alma, gente aberrante e ainda por cima gente que pretende ser "topos de gama" da nossa sociedade. Para mim, eles são apenas e só, represntantes das bestas. Aliás, eles são as proprias, as verdadeiras bestas! As verdadeiras bestas! Já disse tudo.
Mas o Ventor pediu-me para te dizer que as suas caminhadas por Alenquer, duraram 13 meses e aconteceram nos tempos em que ele fez parte da grande organização, então, da Força Aérea Portuguesa. Ele fez parte daqueles que desciam da BA2, Ota, até ao belo presépio e subia até à Ota sempre em passo de corrida. Ele diz-me que ainda hoje agradece às mulheres de Alenquer que lhe vinham dar água à rua só para ouvir o comandante da secção gritar: «ninguém bebe! Ninguém bebe»! Bjs.
De bettips a 4 de Outubro de 2007 às 23:34
O quotidiano hoje é por acaso, bem giro! 5ª feira, dia de ir à feira com os amigos. Esta ideia dos nomes...tu gostas de "raízes", tá visto.
Beijinhos Luísa
De Ana Coreta a 5 de Outubro de 2007 às 04:13
É impressionante como este blogue se mantém com esta qualidade.
nós voltamos sempre aqui com regularidade
beijo ou abraço
(é à escolha)
De Magui a 5 de Outubro de 2007 às 04:37
Minha nora tem Simões e Corrêa no nome.Meu pai era descendente de portugueses e tem Soares, Silva, Ferreira, Teixeira, Leonel na família de um lado e outro.Muitos nomes que estão se perdendo no troca troca .Meu marido tinha Souza e Corrêa na família.
De maripossa a 5 de Outubro de 2007 às 18:28
Amiga Luísa. Como comentei no anterior artigo teu, pois falei de apelido Ramos, mas agora vejo que temos aqui os Sousa, pois eu sou de igual forma!tenho os dois nomes, mas gostei muito desta procura, que fizeste ficamos a saber um pouco mais, como diz o ditado aprendemos uns com os outros. Amiga bom fim semana prolongado, beijo maripossa
De APC Camuflada a 7 de Outubro de 2007 às 03:11
Eheheheh... Temos secção de "discos pedidos"? :-)
É sempre interessante conhecer as origens das coisas. E eu tive que vir cá ler mais um pouco! :-)
E desejar-te a continuação de um bom fim-de-semana. E deixar-te um abraço amigo! :-)
Agora sim, vou ler um bocadinho de uma daquelas coisas que se agarra com ambas as mãos e se pagina (!); só até o sono chegar. Beijinhos!***
De APC Camuflada a 7 de Outubro de 2007 às 03:12
RESSALVA: Queria dizer "sessão", e não "secção", obviamente! (Acho que o sono já cá canta) :-S
De Sindarin a 7 de Outubro de 2007 às 15:07
Olá amiguinha! Espectacular idéia e curiosíssima esta dos apelidos portugueses, adorei sinceramente. Há pessoas cuja inteligência é realmente de louvar, eu nunca me lembraria de fazer um post com este tema, parabéns!!! São muitas as coisa que aqui poderemos aprender e realmente importantes nos nomes que nos foram dados e que desconhecemos tanta vez donde provém. Espero k ñ me leves a mal mas aorei mesmo! Um grande beijinho para ti querida Luísa e para a quertida Jo.
De zalinha a 7 de Outubro de 2007 às 16:48
Olá!!O tempo tem sido pouco para as minhas habituais visitas,mas hj passo para deixar meu beijo e meu sorriso:)
De isa&luis a 8 de Outubro de 2007 às 12:30
Olá menina,

Gosto de perder no ecos do tempo,sempre assuntos magnificos.

Beijinhos

Isa
De Anónimo a 15 de Julho de 2009 às 09:59
essa do quico é muito engraçada... aposto que nunca comeste um belo bife de touro e porisso tens muita pena que eles vao para a arena... pois eu adoro touradas e belos bifes. touro foi criado para fornecer comida ao homem e morrer para tal fim e, se além de dar comida der também espectaculo, melhor ainda. pior ainda e quando tratam caes melhor que seres humanos. Que raiva!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Alenquer

. INVERNO

. Feliz Ano Novo

. ANIVERSÁRIO

. Cinismos de Verão

. NEVOEIROS DE SÃO PEDRO DE...

. COMPENSAÇÃO PERANTE A CRI...

. Homenagem a Rafael Bordal...

. CAPARICA

. Páscoa Feliz

.arquivos

. Junho 2013

. Janeiro 2012

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.links

.A última rosa

----
 
 

.Ecosdotempo



blogs SAPO

.subscrever feeds