Domingo, 20 de Janeiro de 2008

DÁ-ME A MÃO


Frederik Morgan

 

Dá-me essa mão e dançaremos;

dá-me essa mão e amar-me-ás,
Como uma só flor nós seremos
como uma flor e nada mais.

O mesmo verso cantaremos
e ao mesmo ritmo dançarás.
Como uma espiga ondularemos
como uma espiga e nada mais.

 

Chamas-te Rosa e eu Esperança;

mas o teu nome esquecerás,
porque seremos uma dança
sobre a colina e nada mais.


Gabriela Mistral - Prémio Nobel da Literatura em 1945

Nasceu em 7 de Abril de 1889 em Vicuna, no centro do Chile


publicado por soaresesilva às 19:57

link do post | comentar | favorito
|
14 comentários:
De jo a 20 de Janeiro de 2008 às 23:43
Que bom ter decidido vir até aqui porque me deito embalada por um belo e simbólico poema.
De skuba a 21 de Janeiro de 2008 às 00:44
A dança, as flores, espiga... $ Rosa, Esperança... bonitos versos e bonita ilustração... Inspirada!
Uma boa noite e sonhos em verso...
mj
De skuba a 21 de Janeiro de 2008 às 00:46
Emenda - o cifrão antes da Rosa foi "falta de óculos"! Sorry, estraga a poesia!
mj
De maripossa a 21 de Janeiro de 2008 às 20:19
Amiga Luísa. Adorei o poema, de grande sensibilidade como tu, pelo gosto que tens de coisas belas, não conheço o escritor, só me diz algo, pois nasceu a 7 de Abril como a minha filha. Beijinho de amizade maripossa
De Sindarin a 22 de Janeiro de 2008 às 14:31
Masis uma bela homenagem a uma escritora de mérito inconfundível. Aprendamos com o passado os valores k se parecem esquecer no presente. Um grande beijinho amiga com mto carinho e amizade. Peço desculpa da ausência ando um pouco engripada!
De Sindarin a 22 de Janeiro de 2008 às 14:32
Masis uma bela homenagem a uma escritora de mérito inconfundível. Aprendamos com o passado os valores k se parecem esquecer no presente. Um grande beijinho amiga com mto carinho e amizade. Peço desculpa da ausência ando um pouco engripada!
De Ventor a 23 de Janeiro de 2008 às 18:31
Bonita a poesia e bonita a imagem. bjs.
De TiBéu ( Isa) a 23 de Janeiro de 2008 às 19:09
De mão dada vamos dançar e continuar com a nossa amizade virtual ou não pouco importa. É amizade. bj e continuação de boa semana.
De Maria a 24 de Janeiro de 2008 às 20:51
Luisa o poema e o quadro são lindos! O AMOR é assim simples, terno, doce, calmo, sereno! Forte! É fogo! Soberano! Magestoso! SENHOR! REI! Eterno! Beijinho.
De isa&luis a 24 de Janeiro de 2008 às 22:31
Olá menina linda,

Excelente a tua escolha..amei o poema...

Beijinhos meus

Isa

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Alenquer

. INVERNO

. Feliz Ano Novo

. ANIVERSÁRIO

. Cinismos de Verão

. NEVOEIROS DE SÃO PEDRO DE...

. COMPENSAÇÃO PERANTE A CRI...

. Homenagem a Rafael Bordal...

. CAPARICA

. Páscoa Feliz

.arquivos

. Junho 2013

. Janeiro 2012

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.links

.A última rosa

----
 
 

.Ecosdotempo



blogs SAPO

.subscrever feeds