Segunda-feira, 22 de Setembro de 2008

A VIDA SEM COMPUTADOR

 

Passei  agora por uma experiência terrível: durante uma  semana não tive computador!!!!

 

 

  

 

Passei horas a olhar para a máquina para ver se descobria a avaria que lhe estava a corroer as entranhas.

 

 

Passaram por cá técnicos reputados

 

 

mas o "bicho" não mexia

 

 

Todos os programas desapareceram e ficou o vazio

 

 

Até que, repentinamente, tudo voltou ao normal e, oito dias depois, já posso dar asas à imaginação e contactar os amigos.

 

 

Como será passar uma vida inteira sem computador ? Nem quero pensar!!!!!

 

Imagens da Internet

 

publicado por soaresesilva às 00:34

link do post | comentar | favorito
|
17 comentários:
De Peixoto a 22 de Setembro de 2008 às 16:03
De facto, já me aconteceu o mesmo, e durante várias semanas. Para quem prepara aulas em Power-point e todos os dias consulta Net não é nada fácil...
De mary90 a 22 de Setembro de 2008 às 23:16
Boa noite Luísa.

Eu passo muito bem sem computador, ainda não é das coisas que me faz falta, mas já não passo sem telemóvel, para poder comunicar com os meus filhos, pois tenho de estar sempre comunicável.:)
Mas no teu caso e, de muitas outras pessoas compreendo.
Fico feliz que já tenhas o teu pc a funcionar.
Ando a tratar do regresso.:)
Beijocas
De Oliver Pickwick a 23 de Setembro de 2008 às 06:17
Pobre, Luisa! Imagino a crise de abstinência. Mas, aposto que aproveitou a pausa compulsória para fotografar. Portanto, aguardem mais um post repleto de imagens de Luisa!
Coisas do rWindows. Qualquer dia destes, experimente o Linux.
Um beijo, querida Soares e Silva! [coisa mais estranha, sinto-me como se fosse um arquiduque enviando um beijo para uma condessa] ;)
Com a sua vênia, cara senhorinha! see ya!
De mfc a 23 de Setembro de 2008 às 12:29
Vai fazer agora dois anos que fiquei sem nadinha!
Agora faço cópias semanais para um disco externo!
É a vidinha!
De delta a 24 de Setembro de 2008 às 00:51
Realmente deve ser muito stressante. Enquanto estou de férias a coisa nem me preocupa.

Mas em casa, com ele ali à mão e não lhe poder mexer... não sei, não

O meu, de vez em quando, tem pancada que só me apetece dar-lhe uma marretada no totiço



Mas agora que estás de volta não penses mais nisso.

Beijinho

De Magui a 24 de Setembro de 2008 às 20:24
Coisa mais esquisita!!!!! Ficar parado e voltar a funcionar sem mais nem menos!
De maripossa a 24 de Setembro de 2008 às 23:00
Olá Luísa. Bem vejo que não foi só eu,pois tive tres dias e era uma crise! Bem nem digo nada,espero que tenha voltado tudo ao normal,era cá uma dor de cabeça.
Beijinho Lisa
De jo a 24 de Setembro de 2008 às 23:05
Como as máquinas se apoderam de nós. Quem nos diaira, há bem poucos anos, que não viveriamos sem elas? Bjs
De vida de vidro a 26 de Setembro de 2008 às 21:42
Também eu "nem quero pensar"!! É uma dependência dos diabos! :)**
De Jofre de Lima Monteiro Alves a 27 de Setembro de 2008 às 17:44
Conto uma experiência pessoal. Tornei-me devoto militante e encartado do computador nos últimos anos, com horas a fio debruçado na infernal máquina e a navegar pela Internet. Mas passo quase seis meses do ano no Alto Minho e o resto em Sintra, e fazia lá e cá a mesma vida, horas debruçado na secretária. Este ano, para mudar de vida, retirei a Internet da minha casa no Minho e não levo o computador. Aliás estive agora mesmo três semanas no Alto Minho donde regressei esta segunda-feira. Ficar estas semanas sem Internet, sem estar debruçado e dependente do computador é uma maravilha: posso conservar com as pessoas da minha aldeia, ouvir os velhos, ouvir histórias e lendas. Uma delícia. Foi doloroso inicialmente, mas consegui romper o cerco... Boa semana com tudo de bom.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Alenquer

. INVERNO

. Feliz Ano Novo

. ANIVERSÁRIO

. Cinismos de Verão

. NEVOEIROS DE SÃO PEDRO DE...

. COMPENSAÇÃO PERANTE A CRI...

. Homenagem a Rafael Bordal...

. CAPARICA

. Páscoa Feliz

.arquivos

. Junho 2013

. Janeiro 2012

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.links

.A última rosa

----
 
 

.Ecosdotempo



blogs SAPO

.subscrever feeds